• Home »
  • Destaque »
  • Chelsea mostra evolução com Conte e continua crescendo na Premier League

Chelsea mostra evolução com Conte e continua crescendo na Premier League

Os blues fizeram uma péssima temporada em 2015/16. Mourinho demitido na metade do campeonato por problemas com elenco e a chegada de Guss Hidink não foram suficiente para uma campanha digna. Fora das competições europeias, Abramovic foi buscar Antonio Conte para reestabelecer a equipe novamente entre os melhores na terra da rainha.

Com um começo lento e jogando um futebol extremamente pragmático no início do campeonato, Conte chegou a estar  com o “cargo em risco”, de acordo com a mídia inglesa. Tropeços contra equipes menores e o péssimo desempenho no clássico contra o Liverpool colocaram a equipe nesta situação. A polêmica volta de David Luiz ao time também contribuiu para deixar o ambiente pesado em Stanford Bridge.

Chelsea com 3 zagueiros

Para mudar o rumo da equipe, Conte voltou ao seu esquema preferido e consagrado em terras italianas: o 3-5-2, tática que o consagrou com a Juventus e fez a Azurra disputar um boa Euro, mesmo com uma equipe enfraquecida.

Atuando desta maneira, o Chelsea voltou a fazer bons jogos e, aos poucos, segue crescendo no campeonato. Com a vitória por 3×0 sobre o Leicester pudemos notar dois pontos importantes nesta evolução: o time voltou a se impor em jogos importantes e foi seguro do início ao final do jogo.

 

 

Chelsea 3×0 Leicester

Para o confronto contra os atuais campeões ingleses, a escalação foi praticamente a mesma dos últimos jogos. Courtois, Azpillicueta, David Luiz e Cahil; Moses, Matic, Kante, Hazard e Alonso; Pedro e Diego Costa.

De diferente para a formação costumeira de Conte, notamos as variações que o time apresentou durante o jogo. Saiu do 3-5-2 para um 3-4-3, com Hazard e Pedro nas pontas. E em alguns momentos para um 4-4-2, com Azpillicueta na lateral direita. No ataque, Diego Costa segue sendo a única constante da equipe desde o início de temporada. E com a melhora do time, continua se destacando com gols e assistências. Hazard tem mais liberdade para criar e também subiu de produção. Apesar de, na partida de hoje, Pedro ter sido o grande destaque do setor ofensivo.

Ainda sobre o esquema, vale a pena ressaltar a recuperação de Moses. O jogador estava encostado após uma série de empréstimos, e Conte encontrou nele a força e versatilidade necessária para fazer a ala direita da equipe, assim como fazer o lado direito na segunda linha em uma 4-4-2, ou ser um meio-campista durante o 4-3-3

 

O Chelsea está momentaneamente na quinta colocação do campeonato, com 16 pontos ganhos. Mesma pontuação do Liverpool e três pontos a mais que o Manchester United. Adversários nesta rodada. No próximo domingo, o duelo será contra José Mourinho, seu ex-treinador. Chelsea x Manchester United será a prova de fogo para mostrar que o time de Londres pode brigar por títulos, e complicar a vida do maior treinador de sua história, que ainda sofre para deslanchar no comando dos Red Devils.

Gols Chelsea 3×0 Leicester:

Comments